Blog da NatusVita

OS SUPLEMENTOS NUTRICIONAIS E ESPORTIVOS: COMO USAR E NÃO ABUSAR?

Você sabe qual a forma ideal de consumir suplementos?

Whey Protein: O suplemento mais utilizado!

É preciso entender a definição de suplementos como, na maior parte das vezes, como vitaminas, minerais, proteínas, carboidratos ou outros, de diversos tipos, que complementam a refeição. Os suplementos são fundamentais e destinados a pessoas com carências nutricionais e similarmente para quem pratica exercício físico e assim, deseja ter um melhor desempenho ou reproduzir perda de peso ao longo dessas práticas, desta forma sendo chamados de suplementos esportivos que são os destinados para praticantes de atividades física ou apenas suplementos nutricionais, para alguém por exemplo que deseja apenas repor alguma carência nutricional específica, como cálcio, vitamina d, zinco… etc. Nos dias de hoje, com o ritmo de vida que vivemos, perdemos muitos nutrientes, devido ao estresse, ao pouco tempo que temos para preparar alimentos saudáveis ou mesmo pelo uso descomunal de itens industrializados.

Com isto, os suplementos passam a ser importantes no dia a dia, com prescrição médica ou de um nutricionista. Porém, o que é temerário, é adquirir suplementos por conta própria e sair usando diversos itens incorporados, sem nenhuma indicação profissional. É preciso entender que os suplementos esportivos ou nutricionais têm sim a sua função e são muito úteis, porém, se utilizados e selecionados com cautela e de fontes confiáveis. Isso porque, os suplementos, em dosagens erradas, podem ser prejudiciais.

Suplementos parecem ser inofensivos, porém dependendo da porção ou da substância presente em determinado produto, uma vez que existem muitas opções disponíveis, são capazes de ter consequências desagradáveis. Nessa difusão, esclareceremos os efeitos de cada substância dos suplementos, com o propósito de associar informações com os leitores, para saberem o resultado no corpo de cada um deles. Porém, é preciso ter em mente que, como o próprio nome diz, suplementos esportivos auxiliam na prática de atividades físicas, porém a alimentação saudável deve continuar sendo aliada dessas práticas. E caso você deseja apenas um suplemento nutricional específico, é preciso saber com um profissional habilitado que vitamina ou mineral você deseja repor.

Conhecendo alguns dos Suplementos Esportivos

Hipercalórico: Suplemento para ganho de peso

  • HIPERCALÓRICOS: todos os hipercalóricos possuem o tão buscado valor energético bem elevado. São basicamente alimentos com muitas substâncias positivas, como proteínas e carboidratos.

5 Whey Protein: Suplemento com cinco fontes de proteínas

Carnivore: Suplemento da proteína da Carne

Carnivore: Suplemento da proteína da Carne

  • PROTÉICOS: os protéicos funcionam auxiliando nossos músculos em sua formação e, por isso, são um dos mais conhecidos quando o assunto é suplementos esportivos, o mais comum deles é o Whey Protein, originalmente extraído do soro do leite, que pode ser concentrado, hidrolisado, isolado ou ainda um blend destes. Hoje há também produtos extraídos de proteínas da Carne, Arroz, Ervilha (veganos)… dentre outros.

Innovelle Oxydant auxilia no combate dos radicais livres

  • ANTIOXIDANTES: quando o objetivo se encontra em fazer com que o organismo passe por um processo de “limpeza”, muitas vezes pela decisão de mudanças de hábitos alimentares, por exemplo, os suplementos antioxidantes são os mais recomendados.

Ultrexone: Termogênico com Café Verde, Guaraná e outros...

Ultrexone: Termogênico com Café Verde, Guaraná e outros…

Lipo +XII: Suplemento termogênico com cafeína e guaraná

Lipo +XII: Suplemento termogênico com cafeína e guaraná

  • TERMOGÊNICOS: usados por muitos atletas ou atuantes físicos para aumentar o seu metabolismo, assim possibilitando a redução de peso e aumento da disposição. Os termogênicos estão em segundo lugar quanto ao uso de suplementos, ficando atrás apenas do Whey Protein.
  • HORMONAIS: um dos mais conhecidos, os suplementos hormonais, como o próprio nome já diz, auxiliam na produção de hormônios. O problema está em sua utilização exagerada, que pode levar a sérias mudanças no corpo indesejáveis, assim como na voz e no crescimento de pelos.

Mas afinal: Usar ou não usar suplementos sejam esportivos ou nutricionais?

É importantíssimo entender que há todo um lado positivo em usar suplementos, mas infelizmente, depois de tantos casos em que pessoas se automedicavam com estes e outras substâncias, objetivando resultados imediatos, eles tem passado por uma fase de aprovação, onde é difícil encontrar alguém que não os critique.

Porém, radicalizar simplesmente negando que eles não podem ser muito benéficos para atingir resultados não é o mais correto e justamente por isso que a tese já comprovada que, procurar um médico ou profissional apto à indicação de suplementos esportivos ou nutricionais é o melhor a ser feito.

Isso porque, cada corpo é único e diferente do outro e assim, age de formas diferentes de acordo com os suplementos, independente de quais forem estes escolhidos. É necessário o entendimento de que uma dose errada,  pode não gerar os resultados desejados e prejudicar não apenas o corpo, mas também a saúde de quem está fazendo seu uso. Isso porque, algumas pessoas possuem inclusive alergias com relação a alguns componentes presentes nos suplementos e por isso, não poderão fazer a sua utilização.

Também tem se difundido a utilização de suplementos, compostos à base de carboidratos, lipídios, vitaminas e minerais, e principalmente aminoácidos, comercializados e consumidos indiscriminadamente, sem orientação competente, sem que se conheçam seus efeitos, muitos dos quais ainda estão sobre investigação. (SAWADA ET AL., 1999; CARVALHO, 2003).

Mas, o processo contrário, ou seja, utilizar os suplementos indicados para seu corpo, de acordo com a prescrição e indicação de um especialista, apenas facilitaria o ganho de resultados e o auxílio que seu corpo precisa quando o assunto é manter-se saudável. Existem inclusive, diversos suplementos com vitaminas e minerais dos mais variados tipos, que tem destaque por melhorar a imunidade contra determinadas enfermidades, basta que profissionais específicos nas áreas em questão sejam consultados, para que então sejam feitos os exames necessários e constatados quais são os tipos de suplementos que essa determinada pessoa usará, dependendo de seus objetivos.

A terapia é mais um dos benefícios dos suplementos em dosagem certa, uma vez que esta possibilita que problemas como o estresse, comum das rotinas agitadas, seja diminuído e controlado. Vale lembrar que o estresse, é inclusive causa de muitas doenças, com base na fala de ROUQUAYROL & ALMEIDA FILHO, 1999, p. 533, que classificam doença como “alteração ou desvio do estado de equilíbrio de um indivíduo com o meio”.

Atualmente existe inclusive a nutrição esportiva, que é responsável por averiguar os suplementos esportivos e defini-los, fazendo com que as pessoas tenham mais conhecimento com relação a eles e todas às práticas físicas comuns. A necessidade desta área está juntamente ligada à importância de não fazer nem uma coisa, nem outra sem a interligação das duas, ou seja, se alimentar da forma correta e usar os suplementos disponíveis para a prática esportiva ser ainda mais prazerosa e resultante de diversos benefícios. Dessa forma, o atleta que, além de ter a prática física ainda usa essa suplementação, terá mais chances de sua dieta, normalmente estabelecida com o foco em seus objetivos de ganho ou perca muscular, sejam ainda mais concretizados.

Portanto, em pleno século XXI, não é mais possível que as pessoas continuem acreditando que, determinada coisa, se faz mal para um faz para todo mundo ou do contrário, se é positiva. É preciso entender que os suplementos esportivos podem sim vir a fazer muito bem para o corpo e para a mente de quem os utiliza, se estes forem os apropriados para esta determinada pessoa. Vale lembrar que para os que não praticam atividades e desejam também utilizar suplementos, existem suplementos específicos para cada caso determinado, sem a necessidade, nesse caso, de práticas físicas.

Referências Bibliográficas

    1. ROUQUAYROL, M.Z.; ALMEIDA FILHO, N. Epidemiologia & saúde. 5 ed. Rio de Janeiro: MEDSI, 1999. 600 p. ISBN 85-7199-191-X.
    2. SAWADA, L.A.; COSTA, A.S.; MARQUESI, M.L.; LANCHA JR, A.H. Suplementação de aminoácidos e resistência à insulina. Rev. Bras. Nutr. Clin., 1999, 14: 31-39.

Responder