Blog da NatusVita

Ibuprofeno – O Que Você Deve saber antes de usar

Ibuprofeno - O que é?

Várias drogas que por muito tempo precisavam de prescrição médica para utilização no dia a dia, hoje podem ser compradas na farmácia quem necessitar apresentar alguma autorização para levar para a casa.

Por isso é que muitos analgésicos, antiinflamatórios e até remédios para gastrite e náusea hoje são muito fáceis de encontrar na nossa “caixinha de primeiros socorros” que sempre temos em casa.

Dentre esses remédios, o Ibuprofeno é um dos comumente encontrados nessas caixinhas e muito utilizado no tratamento – sem orientação médica – de alguns quadros clínicos.

Antes de usar o Ibuprofeno no seu dia a dia, entretanto, é preciso conhecer um pouco mais sobre esse medicamento. Preparamos esse artigo para tirar todas as suas dúvidas sobre ele e sua utilização.

O que é o Ibuprofeno?

Você provavelmente tem uma caixa de Ibuprofeno em casa, mas realmente sabe o que é esta droga? O Ibuprofeno é um antiinflamatório não esteroide, que tem ações analgésicas, antiinflamatórias e antitérmicas. Exatamente por conta dessas suas características é que esse medicamento é muito prescrito e recomendado no tratamento de condições clínicas com manifestações completamente diferentes, que vão desde inflamações locais, até quadros de febre.

Você provavelmente deve conhecer o Ibuprofeno com um de seus nomes comerciais: Alivium, Advil, Buscofem ou Lombalgina.

Formas de apresentação do Ibuprofeno

O Ibuprofeno pode ser encontrado em gotas ou cápsulas de 200mg, 400mg e 600g. Sua utilização, entretanto, varia de acordo com a recomendação médica e objetivo do tratamento.

Seu efeito inicia-se cerca de 30 minutos após a administração e pode ser observado entre 4 e 6 horas após a aplicação inicial.

Para que serve o ibuprofeno?

O Ibuprofeno, como afirmamos inicialmente, é um medicamento que pode ser utilizado para várias condições clínicas diferentes, por conta de suas características de atuação no organismo.

De maneira geral, indica-se o Ibuprofeno para tratar:

  • Febre;

  • Cefaléias e enxaquecas;

  • Dores de dente;

  • Dores musculares;

  • Dor lombar;

  • Tendinites, bursites, capsulites e outras dores reumáticas;

  • Entorses e distensões;

  • Cólica menstrual;

  • Gripes e resfriados.

O tratamento de cada uma dessas condições pode demandar concentrações diferentes de ibuprofeno e, por isso, a posologia pode ser diferente (assim como o tipo de ibuprofeno que deve ser comprado na farmácia).

Ibuprofeno - Para que Serve?

Como funciona o ibuprofeno?

As ações antiinflamatórias, analgésicas e antitérmicas observadas após o uso do ibuprofeno são consequências da maneira como ele age no organismo após sua administração. Seu principal objetivo do composto químico é impedir que o organismo produza grandes quantidades de uma substância química chamada de prostaglandina, que está em alta no desenvolvimento de determinadas condições clínicas ou lesões.

As prostaglandinas são liberadas no organismo durante esses quadros e deixam os nervos corporais mais sensíveis à dor, trazendo os desconfortos e sintomas associados a quadros de febre e inflamação. São elas também as responsáveis por inchaços e aumento da temperatura corporal.

O uso do Ibuprofeno, portanto, atua no controle dessas substâncias, melhorando imediatamente os sintomas dessas doenças.

Qual a posologia do ibuprofeno?

É claro que a posologia do tratamento feito com Ibuprofeno vai depender da recomendação e prescrição médica. Por isso, é recomendado que, além de conferir a posologia da bula, você consulte um médico antes de fazer o uso do medicamento no tratamento de qualquer condição clínica, por mais simples que ela possa parecer.

Existem riscos do uso de Ibuprofeno?

Assim como qualquer outro medicamento produzido a partir de um composto químico, existem riscos relacionados ao uso do Ibuprofeno. É claro que essa é uma droga segura para se administrar no tratamento de condições clínicas comuns, como a febre e as inflamações musculares, entretanto, é importante conhecer seus efeitos adversos, riscos e contraindicações.

Uso em idosos

Pacientes idosos devem usar ibuprofeno com cautela. Eles podem ter risco aumentado de hemorragia e diminuição de função nos rins ou fígado. A prescrição deve ser sempre feita por um médico.

Uso em crianças

O Ibuprofeno só é recomendado para crianças maiores de 12 anos de idade.

Uso em gestantes

O Ibuprofeno deve, sempre que possível, ser evitado durante a gravidez e amamentação. Caso seja recomendado o uso, essa prescrição e acompanhamento do tratamento deve ser feito por um médico.

Riscos gerais do Ibuprofeno

O uso do ibuprofeno pode estar relacionado a efeitos colaterais como:

  • Hemorragias;

  • Úlceras;

  • Perfurações gastrointestinais;

  • Alterações respiratórias;

  • Insuficiência cardíaca;

  • Insuficiência renal;

  • Insuficiência hepática;

  • Edemas;

  • Trombose;

  • Hipertensão;

  • Reações alérgicas e de hipersensibilidade na pele;

  • Menor agregação plaquetária (maior dificuldade de cicatrização).

Vale lembrar que o ibuprofeno não deve ser utilizado com bebidas alcoólicas e com alguns medicamentos como anti-hipertensivos, diuréticos e anticoagulantes, por reduzir seus efeitos.

Você faz uso de Ibuprofeno no seu dia a dia? Conhecia todas essas informações sobre a droga? Tire suas dúvidas e compartilhe suas opiniões com a gente!

Responder