Blog da NatusVita

Creatina: O que é? Para que serve? Como auxilia os músculos?

Entre as substâncias nutricionais, as quais sugere-se que possam levar à melhora no rendimento a Creatina tem um papel de destaque junto aos suplementos.

Creatina – Como funciona?

Os efeitos da suplementação com a creatina baseiam-se na teoria de que seu uso aumentaria a força e a velocidade do usuário, nos quais a fonte de energia predominante é proveniente do Sistema Energético Alático ou ATP-CP.

Creatina - Como Funciona

A Creatina permite um novo ciclo de energia

Além da produção pelo próprio corpo a partir dos aminoácidos: Glicina, Arginina e Metionina, a Creatina também é encontrada em especial em peixe, carne e outros produtos animais.

Incríveis 95% da Creatina armazenada no corpo humano encontra-se no músculo e ademais são na forma livre depositados no coração, testículos, a retina e o cérebro.

Por que suplementar com creatina?

Apesar de podermos obter parte da Creatina que precisamos de fontes alimentares, seria muito difícil conseguirmos ingerir mais do que 3 a 4g/ de Creatina/dia a partir dos alimentos fonte. Além disso, o colesterol, que está presente nas carnes, poderia ser um fator de risco para doenças cardiovasculares (aterosclerose), quando ingerido em altas quantidades; e o alto conteúdo de gordura desses alimentos poderia contribuir consideravelmente para o aumento do consumo calórico diário, levando ao ganho de peso. Portanto, para os que desejam aumentar o consumo de Creatina, os suplemento à base de Creatina Monohidratada, acabam tornando-se necessários.

Creatina – Como suplementar?

A dose mais comumente utilizada, a qual chamamos de dose de carga, corresponde a um total de 20 a 30 g de Creatina Monohidratada por dia. Essas doses diárias são divididas em 4 a 6 doses de 5 g, uma vez que doses mais elevadas podem provocar náuseas, fraqueza e diarréia, além de contribuir para melhor absorção. O consumo durante 5 a 7 dias, já seriam o suficiente para aumentar ao máximo os estoques de Creatina nos músculos. Com isso, após o período de carga inicial ser completado, indivíduos devem reduzir as doses consumidas para 2 a 5g/dia, denominada doses de manutenção.

Lembrando que a dosagem deve ser adequada para cada indivíduo e quem faz a prescrição da suplementação é o profissional nutricionista.

Creatina – Quais os benefícios?

Atividades que requerem sucessivos movimentos de alta intensidade e curta duração, a suplementação de Creatina Monohidratada pode exercer um efeito ergogênico sobretudo no:

Aumento da massa corporal magra
• Aumento da força
• Maior resistência muscular
• Maior energia para o músculo
• Recuperação entre esforços repetidos de alta intensidade

Em relação ao aumento da massa corporal magra, muitos estudos indicam que a dose de carga da suplementação de Creatina Monohidratada (20 a 30 g/dia, durante 5 a 7 dias) leva ao aumento da massa corporal magra, sobretudo por ser osmoticamente ativa e, com isso, o aumento de sua concentração intracelular poderia induzir o fluxo de água para o interior das células, gerando hipertrofia muscular.

Comprar Creatina Pura

Creatina Monohidratada 100% PURA. 300g.

A Creatina Monohidratada 100% PURA da American Pharm é um suplemento alimentar destinado à praticantes de atividade física, que desejam garantir o aporte deste nutriente, suprindo a demanda de Creatina que é necessária diariamente para os músculos.

A Creatina Monohidratada também é um composto nutricional promissor no campo médico por apresentar benefícios consideráveis em tratamentos de miopatias, imobilização e doenças neurodegenerativas, principalmente aquelas que levam à perda da massa muscular.

Onde comprar creatina pura?

Você pode adquirir Creatina Monohidrata 100% Pura, produzida com matéria prima importada no site da Natusvita. Lembrando que você pode pagar em até 10X sem juros no seu cartão de crédito. O envio é realizado para todo o Brasil.

Referências Bibliográficas

BIESEK, S.; ALVES, L. A.; GUERRA, I. Estratégias de Nutrição e Suplementação no Esporte. Barueri, SP: Manole, 2005.

MACHADO, Marco et al . Creatine supplementation: effects on blood creatine kinase activity responses to resistance exercise and creatine kinase activity measurement. Braz. J. Pharm. Sci., São Paulo , v. 45, n. 4, p. 751-757, dez. 2009.

PADILHA, Camila Souza et al . Oral creatine supplementation attenuates muscle loss caused by limb immobilization: a systematic review. Fisioter. mov., Curitiba , v. 30, n. 4, p. 831-838, dez. 2017.

PERALTA, José; AMANCIO, Olga Maria Silverio. A creatina como suplemento ergogênico para atletas. Rev. Nutr., Campinas, v. 15, n. 1, p. 83-93, jan. 2002.

SOUZA JUNIOR, Tácito Pessoa de; PEREIRA, Benedito. Creatina: auxílio ergogênico com potencial antioxidante?. Rev. Nutr., Campinas, v. 21, n. 3, p. 349-353, jun. 2008.

2 comentários em Creatina: O que é? Para que serve? Como auxilia os músculos?

  1. paulo
    7 de março de 2018 às 5:32 (9 meses ago)

    Bom dia! queria que vcs mim mandasse o valor e se tem desconto pagando no boleto bancario

  2. NatusVita
    7 de março de 2018 às 9:40 (9 meses ago)

    Bom dia Paulo!

    No site da NatusVita, você pode conferir essas e outras informações sobre a venda da Creatina Monohidratada 100% pura.
    Acesse: https://www.natusvita.com.br/creatina-monohidratada

    Enviamos para todo o Brasil com condições de pagamento facilitadas.

Responder