Blog da NatusVita

Astaxantina – O que é? Para que serve? Benefícios

A Astaxantina é um pigmento natural que pertence a classe dos carotenoides. Ela é produzida principalmente por algas (Haematococcus pluvialis) e fungos (Phaffia rizoma). A Astaxantina é encontrada em flamingos, salmão, camarão e lagosta, que acumulam essa substância no corpo após o consumo de algas produtoras.

Astaxantina – Para que serve?

A Astaxantina tem grande importância na saúde devido ao seu elevado potencial antioxidante, sendo 100 vezes mais potente se comparado à atividade antioxidante do α-tocoferol, aproximadamente 10 vezes maior que outros carotenoides, inclusive o betacaroteno e, excede os benefícios antioxidantes também da Vitamina C.

Por isso, a atividade antioxidante da Astaxantina tem demonstrado importante função na modulação de funções biológicas relacionadas aos danos dos radicais livres (dano oxidativo), desempenhando efeitos benéficos em doenças crônicas e associada à redução do risco dessas doenças.

Astaxantina – Quais os Benefícios?

Assim, a Astaxantina exibe diversas atividades biológicas, na prevenção ou melhoria em determinadas situações fisiológicas ou de doença, podendo citar:

  • Eventos cardiovasculares: Atua na prevenção ou inibição da oxidação do colesterol ruim LDL, prevenindo o desenvolvimento de aterosclerose (formação de placas de gordura depositada nas artérias) que pode desencadear muitos eventos cardíacos.
  • Atividade antitumoral: A formação e propagação de tumores é atribuída aos radicais livres, com isso, seu potente efeito antioxidante, possui efeito de supressão do crescimento do tumor (proliferação celular) e estimula a resposta imune contra o tumor.
  • Reforço e modulação do sistema imunológico: aumenta a resposta imune, por aumentar a produção de anticorpos e o número de células secretoras de anticorpos.
  • Retina: A estrutura da Astaxantina é muito semelhante à da luteína e da zeaxantina, que são pigmentos predominantes na retina humana, por isso, ela parece estar relacionada à proteção macular e prevenção da catarata associada à idade.
  • Fotoproteção: proteção contra os efeitos da luz ultravioleta (UV) nas membranas celulares, DNA, tecidos e pele.

Astaxantina – Como funciona?

Os radicais livres são produzidos a todo o momento no nosso organismo. Mas, quantidades excessivas desses compostos são perigosas.

Com isso, a Astaxantina apresenta potente atividade na eliminação de radicais livres e na proteção contra a oxidação das membranas celulares e de tecidos. As alterações nas membranas celulares podem acarretar em muitos danos como: ruptura das membranas, perda da seletividade, mutação de DNA, formação de produtos tóxicos e levar à morte celular.

Pensando nisso, o organismo necessita a todo o momento de compostos antioxidantes para a sua proteção. Em determinadas situações os compostos antioxidantes produzidos pelo próprio organismo, podem não ser suficiente para fornecer a proteção adequada contra os danos dos radicais livres.

Responder